domingo, 25 de maio de 2014

14.ª jornada da fase final do Nacional de Seniores: Loures 1-2 Sertanense



O Sertanense terminou a sua participação na fase final do Campeonato Nacional de Seniores com uma vitória no reduto do Loures. Este resultado permitiu à formação sertaginense posicionar-se no quarto lugar, tendo somado 23 pontos (correspondentes a seis vitórias, cinco empates e três derrotas) em 14 jornadas.
A equipa do Loures entrou a vencer na partida, tendo apontado o seu golo à passagem do minuto 31, por intermédio de André Cacito.
Na segunda parte, o Sertanense retificou a sua exibição e conseguiu dar a volta ao resultado, apontando dois golos: primeiro por Lucas e depois por Rafael Silveira a fixar o score em 1-2.
Aqui ficam os nossos parabéns a todo o plantel do Sertanense, pelo excelente campeonato efetuado esta época – mais um para ficar na história do clube.

Ficha de jogo

Campo José da Silva Faria (Loures)
Árbitro: Hugo Silva (Santarém)
Loures: Tiago Jorge, Jorge Bernardo, Ivo Dias, Haoran Wu, Beto, João Job, Fábio Marques, Rui Monteiro (Eduardo Simões, 84’), Godinho, André Cacito (Tiago Pereira, 73’) e Pedro Augusto (Joni, 63’)
Sertanense: Luís Pedro, Bruno Cardoso, Kiki, Ronny, Hugo Simões (Lucas, 70’), Leandro, Barreto (Yu Fei, 63’), Issouf, Nuno Teixeira (Lukinha, 45’), Alex e Rafael Silveira
Golos: André Cacito (31’), Lucas (76’) e Rafael Silveira (85’)  

terça-feira, 13 de maio de 2014

13.ª jornada da fase final do Nacional de Seniores: Sertanense 2-1 Mafra



O Sertanense regressou às vitórias na fase final do Campeonato Nacional de Seniores (Zona Sul), derrotando (2-1) a formação do Mafra. A equipa sertaginense ocupa actualmente a quarta posição, com 20 pontos, menos um do que o terceiro classificado, a União de Leiria.
O Mafra adiantou-se no marcador à passagem do minuto 25, na sequência de um golo de Tiago Costa. O Sertanense respondeu já na segunda parte e deu a volta ao marcador, com mais dois golos de Rafael Silveira.
No próximo fim-de-semana, a formação da Sertã encerra a sua participação na fase final do Nacional de Seniores, deslocando-se ao terreno do Loures, conjunto que ocupa a última posição nesta Zona Sul, somando 10 pontos.

Ficha de jogo

Campo de Jogos Dr. Marques dos Santos
Árbitro: Rui Soares (Santarém)
Sertanense: Tiago Martins, Bruno Cardoso (António, 83’), Kiki, Rony, Hugo Simões, Dino, Fey Yu (Barreto, 60’), Leandro, Nuno Teixeira (Lukinha, 53’), Alex e Rafael Silveira
Mafra: Godinho, Han Pengfey, João Pedro, Samiro, Baixinho, Tiago Costa (Eduardo, 68’), Pedro Dionísio, Leo, Alisson, Yang Tan (Tiago Rente, 45’) e Feliciano (Tuga, 75’)
Golos: Tiago Costa (25’) e Rafael Silveira (63’ e 71’)

terça-feira, 6 de maio de 2014

12.ª jornada da fase final do Nacional de Seniores: União Leiria 1-1 Sertanense



O Sertanense ficou afastado da luta pelos lugares de subida à II Liga, depois do empate (1-1) deste fim-de-semana no reduto da União de Leiria. Todavia, e apesar do resultado, não podemos deixar de felicitar a formação sertaginense pela excelente temporada que tem efectuado até à data.
O desafio era fundamental para as duas equipas, que teriam de ganhar para continuar a sonhar com a subida. Na primeira parte, o jogo foi disputado numa toada bastante morna, com alguns bons lances de futebol, mas quase sempre inconsequentes. Ainda assim, a União de Leiria conseguiu adiantar-se no marcador à beira do intervalo, na sequência de um pontapé de canto, com Pedro Emanuel a dar o melhor seguimento à bola.
No reatamento, o Sertanense chegou à igualdade, por intermédio de Dino que, isolado diante do guardião contrário, colocou o esférico no fundo das redes.
A intensidade e o ritmo de jogo aumentaram a partir deste golo. O conjunto da Sertã poderia ter marcado, mas a falta de sorte e de pontaria dos seus elementos mais ofensivos não o permitiu. Também a equipa leiriense dispôs de algumas oportunidades para desfazer a igualdade.
No próximo fim-de-semana, o Sertanense recebe a formação do Mafra, que ocupa a quinta posição, com menos um ponto do que a turma orientada por Nikola Popovic.

Ficha de jogo

Estádio Dr. Magalhães Pessoa (Leiria)
Árbitro: Marco Aurélio Cruz (Porto)
União Leiria: João Guerra, Zezinho, Luiz Carlos (Pimenta, 64’), André Sousa, Bruno Simão, Fabeta, Elton (Cedric, 75’), André Perre, Hélio Vaz (Akor, 85’), Fábio Coça e Pedro Emanuel
Sertanense: Tiago Martins, Bruno Cardoso, Rony, Kiki, Alex, Dino (Issouf, 55’), Leandro, Fei-Yu (Barreto, 72’), Nuno Teixeira (Lukinha, 65’), Traquina e Rafael Silveira
Golos: Pedro Emanuel (45’) e Dino (48’)

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Benfica Castelo Branco 2-1 Sertanense (resumo do jogo em vídeo)


video

As principais incidências da partida que opôs o Benfica e Castelo Branco ao Sertanense são aqui reveladas. O vídeo com as melhores jogadas deste desafio, por gentileza do site do SBCB.

11.ª jornada da fase final do Nacional de Seniores: Benfica Castelo Branco 2-1 Sertanense



A derrota do Sertanense no reduto do Benfica e Castelo Branco complicou as contas da equipa na fase final do Campeonato Nacional de Seniores (Zona Sul). A formação sertaginense está agora a quatro pontos dos lugares que permitem lutar pela subida à II Liga.
Como não assistimos à partida, reproduzimos a crónica do jogo publicada pelo jornal Record: “Dois cruzamentos teleguiados de João Rui, para o jogo aéreo de Dani Matos e Marocas, constituíram o antídoto aplicado pelo BC Branco para desmontar o bloco baixo do Sertanense. O dérbi regional foi predominantemente tático e as oportunidades de golo escassearam, sobretudo no primeiro tempo.
Nikola Popovic, que se estreou no comando técnico do Sertanense, depois da saída de João Sousa, privilegiou um sistema compacto, com linhas muito próximas. A iniciativa acabou entregue ao BC Branco, que não escondeu dificuldades para encontrar espaços e ganhar os últimos metros de terreno.
Foi pela ala direita, onde Hugo Seco se desembaraçava do coreano Min-Woo, que residiu o fluxo ofensivo dos albicastrenses, mas os cruzamentos morreram sistematicamente no centro da defesa.
Após o intervalo, quando o Sertanense estendeu as transições ofensivas, a equipa da casa sentiu-se mais confortável. Guilherme deu o mote (57’), mas Tiago Martins respondeu com a defesa da tarde. De uma bola ganha por Patas Moreno nasceu o primeiro golo da partida: João Rui, solto na direita, viu o movimento de Dani Matos, que apontou o 1-0.
Alex, aos 66’, ainda respondeu de livre, mas os albicastrenses viveram, então, o seu melhor período. Marocas desperdiçou aos 67’ um golo cantado, mas revelou-se letal no cabeceamento para o 2-0.
Já não havia muito tempo. O Sertanense carregou nos derradeiros minutos e ainda intranquilizou o adversário quando reduziu por Rafael Silveira, de penálti. O técnico local reforçou então a linha defensiva e segurou uma vitória justa, que catapulta o BC Branco para o topo da classificação”.
No próximo fim-de-semana, o Sertanense desloca-se ao terreno da União de Leiria, que ocupa actualmente a terceira posição, com mais um ponto de que o conjunto da Sertã.

Ficha de jogo

Estádio Municipal do Vale do Romeiro (Castelo Branco)
Árbitro: Luís Catita (Évora)
Benfica e Castelo Branco: Nuno Hidalgo, André Cunha, João Afonso, Amoreirinha, Hugo Seco (Vasco Guerra, 87’), Patas, Guilherme, Telmo (Tomás, 80’), Dani Matos, João Rui (Samarra, 87’) e Marocas
Sertanense: Tiago Martins, Bruno Cardoso, Dino, Kiki, Rony (Lucas, 78’), Min-Woo (Lukinha, 66’), Leandro, Alex, Barreto (Nuno Teixeira, 63’), Traquina e Rafael Silveira
Golos: Dani Matos (61’), Marocas (81’) e Rafael Silveira (83’)